O COMPORTAMENTO DA MÍDIA DE MASSA NAS RESOLUÇÕES DE QUESTÕES SECURITÁRIAS NO PÓS-INDEPENDÊNCIA DA NIGÉRIA

O COMPORTAMENTO DA MÍDIA DE MASSA NAS RESOLUÇÕES DE QUESTÕES SECURITÁRIAS NO PÓS-INDEPENDÊNCIA DA NIGÉRIA

Journal

  • Journal title: Brazilian Journal of African Studies
  • ISSN: 2448-3915 (print) 2448-3923 (online)
  • Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Country of publisher: brazil
  • Date added to EuroPub: 2019/Apr/10

Subject and more

  • LCC Subject Category: Social Sciences
  • Publisher's keywords: Segurança Nacional; Instituições Securitárias; Nigéria pós-independência; Reportagem de mídia; Soft Power; Terrorismo; Boko Haram; Ameaças Securitárias
  • Language of fulltext: portuguese, english
  • Full-text formats available: PDF

AUTHORS

    Osakue Stevenson Omoera, Adesina Lukuman Azeez, Roselyn Vona Doghudje

EDITORIAL INFORMATION

FULL TEXT

To download PDF files Login to your Account.

ABSTRACT

A conceituação da segurança nacional continua a ser um empreendimento taxativo, uma vez que diversos fatores ressaltam a sua capacidade em todos os níveis de percepção e, portanto, não pode ser restrita a uma única definição devido à sua natureza mutável de um Estado para outro. Assim sendo, a segurança nacional permanece dinâmica, fluida e multidirecional, mas é fundamental para a sobrevivência de qualquer Estado. Na Nigéria pós-independente, as ameaças securitárias a seus interesses nacionais não só envolvem ameaças convencionais, como as de outros Estados, mas também de atores não estatais e atividades como terroristas, traficantes de armas, piratas, traficantes, seqüestradores, insurgências de gângsteres de rua, disputas fronteiriças e milícias étnicas. Ao longo dos últimos cinquenta e seis anos, as ameaças tradicionais à segurança nacional na Nigéria se transformaram em uma séria e grande organização, que aparentemente não pode ser eliminada apenas por forças militares ou instituições de segurança. Os meios de comunicação de massa foram sugeridos por ter a capacidade de contribuir significativamente para ajudar as instituições de segurança a eliminar ou a verificar os desafios com os quais o país é confrontado. Talvez isso se deva ao fato de que os meios de comunicação são parte integrante da infra-estrutura de soft power, o que poderia facilitar a disseminação de informações de maneira rápida e eficaz, ajudando assim uma nação como a Nigéria a juntar a ação política apropriada que visa a consolidar a desejada segurança nacional. Implantando a definição da agenda e as teorias de enquadramento, este artigo empreende uma avaliação de se ou não os meios de comunicação nigerianos (especificamente, Daily Trust e The Punch) fizeram contribuições impactantes para a resolução de questões de segurança na Nigéria pós-independência, com uma referência particular para as insurgências da seita do Boko Haram. Emprega entrevistas analíticas, em profundidade (IDIs) e métodos históricos para analisar alguns relatórios da mídia sobre as insurgências com o objetivo de avaliar seu impacto sobre a segurança do Estado nigeriano. O estudo argumentou que, apesar da robustez dos meios de comunicação nigerianos, eles ainda devem ter uma influência significativa na eliminação de problemas de segurança na Nigéria pós-independência. Daí, o apelo, entre outras coisas, a uma maior sinergia entre as instituições de segurança e meios de comunicação de massa no país para alcançar os resultados.

About Europub

EuroPub is a comprehensive, multipurpose database covering scholarly literature, with indexed records from active, authoritative journals, and indexes articles from journals all over the world. The result is an exhaustive database that assists research in every field. Easy access to a vast database at one place, reduces searching and data reviewing time considerably and helps authors in preparing new articles to a great extent. EuroPub aims at increasing the visibility of open access scholarly journals, thereby promoting their increased usage and impact.