Brazilian Journal of African Studies

Brazilian Journal of African Studies

Basic info

  • Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Country of publisher: brazil
  • Date added to EuroPub: 2019/Apr/10

Subject and more

  • LCC Subject Category: Social Sciences
  • Publisher's keywords: African Studies, International Relations, Organizations and Integration, Security and Defense, Political Systems, History, Geography, Economic Development, Social Structures
  • Language of fulltext: portuguese, english
  • Full-text formats available: PDF

Publication charges

  • Article Processing Charges (APCs): No
  • Submission charges: No
  • Waiver policy for charges? No

Editorial information

Open access & licensing

  • Type of License: CC BY
  • License terms
  • Open Access Statement: Yes
  • Year open access content began: 2016
  • Does the author retain unrestricted copyright? True
  • Does the author retain publishing rights? True

Best practice polices

  • Permanent article identifier: DOI
  • Content digitally archived in: LOCKSS
  • Deposit policy registered in: None

This journal has '70' articles

COOPERAÇÃO TÉCNICA EM SEGURANÇA & DEFESA: PRESENÇA DO BRASIL NA ÁFRICA

COOPERAÇÃO TÉCNICA EM SEGURANÇA & DEFESA: PRESENÇA DO BRASIL NA ÁFRICA

Authors: Sylvio de Souza Ferreira, Eduardo Xavier Ferreira Glaser Migon
( 0 downloads)
Abstract

O presente artigo tem por finalidade revisar a dinâmica de relações entre Brasil e África, especificamente no tocante à cooperação técnica em Defesa, com ênfase nos séculos XX e XXI. Parte do entorno estratégico brasileiro, o continente africano atrai a atenção do Brasil, ao passo que vem obtendo inserção crescente na agenda de pesquisa nacional, em especial na área de Segurança & Defesa. No que concerne a essa dinâmica, cabe notar que a região fora atingida como nenhuma outra pelas transformações na economia e política mundiais, pelo que tais questões se tornaram primordiais para o continente e para o espaço sul atlântico como um todo.

Keywords: Segurança & Defesa; Política Externa Brasileira; Política Nacional de Defesa; Relações Brasil-África
A POLÍTICA AFRICANA DE CUBA: IDEALISMO OU PRAGMATISMO?

A POLÍTICA AFRICANA DE CUBA: IDEALISMO OU PRAGMATISMO?

Authors: Analúcia Danilevicz Pereira
( 0 downloads)
Abstract

As relações cubano-africanas são marcadas por traços de excepcionalidade. A Revolução Cubana coincide, temporalmente, com o aprofundamento do processo descolonizatório na África. Desde os primeiros anos da Revolução, Cuba definiu sua linha de atuação no continente africano, marcada pela cooperação militar e civil. A política africana de Cuba, foi, assim, definida pela autopreservação e zelo revolucionário.

Keywords: Política externa de Cuba; África; Cooperação Sul-Sul
O PAPEL DA ÁFRICA NA NOVA ROTA DA SEDA MARÍTIMA

O PAPEL DA ÁFRICA NA NOVA ROTA DA SEDA MARÍTIMA

Authors: Diego Pautasso
( 0 downloads)
Abstract

O objetivo do presente artigo é analisar o lugar da África na construção da Nova Rota da Seda Marítima. Este é justamente um dos vetores do ambicioso projeto chinês de integração da Ásia, Europa e África, lançada em 2013 sob título de Iniciativa OBOR (One Belt, One Road). Na medida que os desafios da reconstrução nacional são superados, a China torna-se mais assertiva e dá forma à sua estratégia de inserção mundial. Nesse sentido, a Nova Rota da Seda agrega os objetivos centrais da diplomacia da China para o século XXI, reservando à África a condição de trampolim para que o projeto se torne global.

Keywords: China; Nova Rota da Seda Marítima; África
SEGURANÇA REGIONAL NO CHIFRE DA ÁFRICA: CONFLITOS, AGENDAS E AMEAÇAS

SEGURANÇA REGIONAL NO CHIFRE DA ÁFRICA: CONFLITOS, AGENDAS E AMEAÇAS

Authors: Nilton César Fernandes Cardoso
( 0 downloads)
Abstract

Este artigo tem por objetivo analisar a dinâmica de segurança no Chifre da África no período pós-independência, identificando os atores, agendas e ameaças. Para tanto, ele se divide em três partes. Na primeira parte, faz-se uma análise da dinâmica de segurança no Chifre da África durante o período da Guerra Fria, focando-se nas rivalidades regionais e na penetração das potências extrarregionais. Na segunda parte são discutidas as transformações ocorridas na região no imediato pós-Guerra Fria, focando nas dinâmicas de segurança internas das unidades (Estados) e regionais. Por fim, a última parte busca identificar as “novas” ameaças e as repostas internacionais e regionais, bem como a nova importância estratégica da região para as potências tradicionais no pós-11 de setembro de 2001 consumado no processo de securitização.

Keywords: Segurança; Conflitos; Chifre da África.
PROCESSOS DE DEMOCRATIZAÇÃO E COMPETIÇÃO POLÍTICA NA ÁFRICA DOS ANOS 1990: OS CASOS DE MOÇAMBIQUE E ZÂMBIA

PROCESSOS DE DEMOCRATIZAÇÃO E COMPETIÇÃO POLÍTICA NA ÁFRICA DOS ANOS 1990: OS CASOS DE MOÇAMBIQUE E ZÂMBIA

Authors: Fidel Terenciano, Maria Do Socorro Souza Braga, Carlos Augusto da Silva Souza
( 0 downloads)
Abstract

O presente artigo tem como objetivo analisar os processos de democratização e competição política na África em dois estudos de caso: Moçambique e Zâmbia. O trabalho parte da evidência de que a democracia é um sistema que deve permitir a confrontação das diversas forças políticas e sociais e a sua legitimidade advém do reconhecimento dos atores envolvidos em seus processos políticos e eleitorais como um todo. Metodologicamente, o trabalho foi desenvolvido numa perspectiva comparativa, seguindo a análise de dados secundários existentes sobre os resultados eleitorais na África Austral, auxiliou-se com a discussão teórica sobre história política da África e dos sistemas eleitorais e partidários. Ao mesmo tempo, reinterpretamos os dados eleitorais agregados, demonstrando as variações ao longo da competição política e partidária nos dois casos. Assim, o estudo conclui que há uma relação entre a trajetória histórica e política e os padrões da competição eleitoral nos dois países, e que foram determinantes no processo da transição para a democracia. De forma diferenciada, os dois países tiveram experiências de sistemas de partido único (Moçambique: 1975 a 1994 e Zâmbia 1972 a 1991), contudo o processo de efetivação e abertura política foi diferencial.

Keywords: Democratização; Eleições; Competição Política; África
PSICOLOGIA AFRICANA: DIÁLOGOS COM O SUL GLOBAL

PSICOLOGIA AFRICANA: DIÁLOGOS COM O SUL GLOBAL

Authors: Simone Gibran Nogueira, Raquel Souza Lobo Guzzo
( 0 downloads)
Abstract

Este trabalho busca localizar e colocar em diálogo a produção da Psicologia Africana dentro do contexto de produções científico-culturais do Sul Global. Neste caso, o diálogo é estabelecido entre perspectivas suleadoras de Ciências Humanas e Psicologia, são elas: Psicologia Crítica, Psicologia da Libertação Latino-Americana, Descolonização da Psicologia, Psicologia Indígena e Estudos Africanos.

Keywords: Pensamento Africano; Psicologia; Sul Global
QUESTÕES DE SUSTENTABILIDADE NA CADEIA DE FORNECIMENTO DE BANANAS DE CAMARÕES

QUESTÕES DE SUSTENTABILIDADE NA CADEIA DE FORNECIMENTO DE BANANAS DE CAMARÕES

Authors: Kingsly Awang Ollong
( 0 downloads)
Abstract

Um dos principais produtos cultivados nos países em desenvolvimento são as bananas, cuja receita por safra se configura como uma importante fonte de renda, uma vez que tal fruta é mais consumida na Europa e América do Norte. Por décadas, a economia das bananas tem sido um exemplo de injustiça comercial. A concentração de poder nas mãos de poucas companhias multinacionais afeta negativamente a vida de milhares de trabalhadores do setor das bananas e pequenos fazendeiros. Enquanto essa atividade tem gerado consideráveis lucros as corporações multinacionais que operam as plantações, os trabalhadores e as comunidades nas quais essas plantações estão assentadas têm sofrido injustiças. O artigo, nesse contexto, pretende avaliar algumas das questões de sustentabilidade que, de longa data, tem afetado a vidas dos trabalhadores e das comunidades na área de Njombe-Penja a qual é uma das principais áreas de produção de bananas em Camarões.

Keywords: Corporações Multinacionais; sustentabilidade; cadeia de fornecimento na agricultura; desenvolvimento
EL BREXIT, LA UE Y LAS INCERTIDUMBRES ESTRATÉGICAS: IMPLICACIONES A CORTO, MEDIANO Y LARGO PLAZO PARA ÁFRICA SUBSAHARIANA

EL BREXIT, LA UE Y LAS INCERTIDUMBRES ESTRATÉGICAS: IMPLICACIONES A CORTO, MEDIANO Y LARGO PLAZO PARA ÁFRICA SUBSAHARIANA

Authors: Yoslán Silverio González
( 0 downloads)
Abstract

El presente artículo analisa los posibles efectos de la salida del Reino Unido de la Unión Europea para el continente africano. El contenido lleva en consideración los elementos políticos, financeros, económicos y de seguridad y defensa para las relaciones bilaterales y multilaterales de África. Además, un importante elemento de la analisis es avaluar como la influencia de otros países de Europa en África, en especial de Francia, podrá cambiar en consequencia de una distinta actuación británica hacia el continente africano. El articulo plantea distintos cenarios, algunos más optimistas que otros.

Keywords: Brexit; Africa; Relaciones multilaterales; relaciones bilaterales; política; económia; seguridad
RELAÇÕES IRÃ-ÁFRICA: OPORTUNIDADES E PERSPECTIVAS PARA O IRÃ

RELAÇÕES IRÃ-ÁFRICA: OPORTUNIDADES E PERSPECTIVAS PARA O IRÃ

Authors: Fátima Chimarizeni
( 0 downloads)
Abstract

Este trabalho traça um panorama das relações do Irã com a África entre os anos de 2006 e 2015. Durante o período em estudo, a maioria dos países ocidentais evitou as relações econômicas, diplomáticas e militares com o Irã levando dificuldades econômicas a esse país. A fim de diminuir essas dificuldades, o Irã voltou-se para seus aliados tradicionais, como a China e a Rússia, e principalmente, voltou seus olhos para o continente africano, onde procurou apoio político e diplomático e as relações econômicas para aliviar o ônus imposto pelas sanções. Entretanto, a partir da eleição do Presidente Rouhani essa postura começa a alterar-se, buscando aproximar-se dos países ocidentais, para livrar o Irã do isolamento.

Keywords: Irã; África; Política Externa Iraniana; sanções econômicas
O TRIBUNAL PENAL INTERNACIONAL (TPI), IMPUNIDADE E A ASCENSÃO DE UMA MENTALIDADE DE CERCO NA CLEPTOCRACIA DO QUÊNIA

O TRIBUNAL PENAL INTERNACIONAL (TPI), IMPUNIDADE E A ASCENSÃO DE UMA MENTALIDADE DE CERCO NA CLEPTOCRACIA DO QUÊNIA

Authors: Westen K Shilaho
( 0 downloads)
Abstract

A entrada pelo Tribunal Penal Internacional (TPI) nas disputas pós-eleitorais de 2007-2008 causou preocupação entre os políticos do Quênia e influenciou os resultados das eleições de 2013? Este artigo argumenta que o indiciamento de quenianos proeminentes pelo TPI por atrocidades cometidas durante a violência pós-eleitoral foi a primeira tentativa de quebrar um ciclo vicioso de impunidade profundamente entrincheirado no corpo político do país. Entretanto, os indiciados exploraram os casos contra eles para exacerbar descontinuidades étnicas, polarizar o país e garantir uma controversa vitória por Uhuru Kenyatta e William Ruto durante as eleições de 2013, apesar de enfrentarem acusações abomináveis perante o TPI. Crucialmente, o Tribunal precipitou incerteza e trepidação entre os cleptocratas que estavam no poder no Quênia desde 1963, o ano da independência do país. A vitória presidencial controversa de Kenyatta em 2013 foi tanto pessoal quanto oligárquica, já que garantiu a continuidade do controle das esferas políticas e econômicas do Quênia por uma plutocracia autorreplicante. Com o controle do aparato estatal, Kenyatta e Ruto conseguiram com sucesso combater a ameaça representada pelo TPI. O artigo analisa a impunidade política no TPI, e a política étnica, através do prisma dos casos do Quênia perante o TPI.

Keywords: Quênia; TPI; África; justiça criminal internacional; etnia; tribalismo; impunidade; violência; crime; oligarquia
O COMPORTAMENTO DA MÍDIA DE MASSA NAS RESOLUÇÕES DE QUESTÕES SECURITÁRIAS NO PÓS-INDEPENDÊNCIA DA NIGÉRIA

O COMPORTAMENTO DA MÍDIA DE MASSA NAS RESOLUÇÕES DE QUESTÕES SECURITÁRIAS NO PÓS-INDEPENDÊNCIA DA NIGÉRIA

Authors: Osakue Stevenson Omoera, Adesina Lukuman Azeez, Roselyn Vona Doghudje
( 0 downloads)
Abstract

A conceituação da segurança nacional continua a ser um empreendimento taxativo, uma vez que diversos fatores ressaltam a sua capacidade em todos os níveis de percepção e, portanto, não pode ser restrita a uma única definição devido à sua natureza mutável de um Estado para outro. Assim sendo, a segurança nacional permanece dinâmica, fluida e multidirecional, mas é fundamental para a sobrevivência de qualquer Estado. Na Nigéria pós-independente, as ameaças securitárias a seus interesses nacionais não só envolvem ameaças convencionais, como as de outros Estados, mas também de atores não estatais e atividades como terroristas, traficantes de armas, piratas, traficantes, seqüestradores, insurgências de gângsteres de rua, disputas fronteiriças e milícias étnicas. Ao longo dos últimos cinquenta e seis anos, as ameaças tradicionais à segurança nacional na Nigéria se transformaram em uma séria e grande organização, que aparentemente não pode ser eliminada apenas por forças militares ou instituições de segurança. Os meios de comunicação de massa foram sugeridos por ter a capacidade de contribuir significativamente para ajudar as instituições de segurança a eliminar ou a verificar os desafios com os quais o país é confrontado. Talvez isso se deva ao fato de que os meios de comunicação são parte integrante da infra-estrutura de soft power, o que poderia facilitar a disseminação de informações de maneira rápida e eficaz, ajudando assim uma nação como a Nigéria a juntar a ação política apropriada que visa a consolidar a desejada segurança nacional. Implantando a definição da agenda e as teorias de enquadramento, este artigo empreende uma avaliação de se ou não os meios de comunicação nigerianos (especificamente, Daily Trust e The Punch) fizeram contribuições impactantes para a resolução de questões de segurança na Nigéria pós-independência, com uma referência particular para as insurgências da seita do Boko Haram. Emprega entrevistas analíticas, em profundidade (IDIs) e métodos históricos para analisar alguns relatórios da mídia sobre as insurgências com o objetivo de avaliar seu impacto sobre a segurança do Estado nigeriano. O estudo argumentou que, apesar da robustez dos meios de comunicação nigerianos, eles ainda devem ter uma influência significativa na eliminação de problemas de segurança na Nigéria pós-independência. Daí, o apelo, entre outras coisas, a uma maior sinergia entre as instituições de segurança e meios de comunicação de massa no país para alcançar os resultados.

Keywords: Segurança Nacional; Instituições Securitárias; Nigéria pós-independência; Reportagem de mídia; Soft Power; Terrorismo; Boko Haram; Ameaças Securitárias
CONTEXTUALIZANDO O USO DA ALTERNATIVA DIPLOMÁTICA PARA A RESOLUÇÃO DE CONFLITOS NA DISPUTA ENTRE NIGÉRIA E CAMARÕES POR BAKASSI 1994-2006

CONTEXTUALIZANDO O USO DA ALTERNATIVA DIPLOMÁTICA PARA A RESOLUÇÃO DE CONFLITOS NA DISPUTA ENTRE NIGÉRIA E CAMARÕES POR BAKASSI 1994-2006

Authors: Ekpotuatin Charles Ariye, Laz Etemike
( 0 downloads)
Abstract

Este estudo foca no tema da aplicação de meios alternativos como complemento para as opções judiciais, adjudicações e arbitragem na resolução de disputas/conflitos; o conflito entre Nigéria e Camarões por Bakassi é usado como estudo de caso. Argumenta-se que, através das perspectivas teóricas acerca da abordagem diplomática e da realidade deste caso, a aplicação de mecanismos alternativos de resolução de disputas, nesta instância, facilitou uma solução negociada e duradoura, que levou a uma resolução cordial e definitiva. Com a compreensão de que a resolução de disputas/conflitos buscar achar soluções aceitáveis para ambas as partes a fim de alcançar a coexistência pacífica, a questão que fica é se a decisão da CIJ conseguiu ou não resolver por si só e amigavelmente a disputa. O que descobrimos é que a Sentença de 2002 em si não conduziu a uma solução instantânea, mas atraiu respostas negativas da Nigéria, de modo que foi necessária a intervenção de partes interessadas do sistema internacional, especialmente de países ocidentais, e particularmente da ONU e o então secretário-geral, Kofi Annan, a fim de ativar o mecanismo da organização para estabelecer conversações bilaterais diretas entre a Nigéria e os Camarões para eliminar suas diferenças. A Comissão Mista emergente e o Acordo Greentree de 2006 asseguraram a consecução da reconciliação, da paz duradoura e da resolução final, de acordo com o julgamento da CIJ de 2002.

Keywords: Conflito; Nigéria; Camarões; Resolução; Diplomática; Alternativa; Bakassi; CIJ
A SITUAÇÃO DAS MISSÕES ALEMÃS EM CAMARÕES SOB O SISTEMA DE MANDATO: UMA ANÁLISE HISTÓRICA

A SITUAÇÃO DAS MISSÕES ALEMÃS EM CAMARÕES SOB O SISTEMA DE MANDATO: UMA ANÁLISE HISTÓRICA

Authors: Lang Michael Kpughe
( 0 downloads)
Abstract

A Primeira Guerra Mundial e seus sistemas resultantes de Mandato e Tutela afetaram consideravelmente a missão alemã nos Camarões. Além de causar a expulsão vigorosa de missionários alemães dos Camarões, os britânicos e os franceses que a Liga das Nações e as Nações Unidas conferiram sucessivamente com poderes de administração nos quadros de Mandato e de Tutela adotaram políticas hostis às missões alemãs. Desde o início da guerra até a era pós-Segunda Guerra Mundial, a fundação das missões alemãs estava seriamente ameaçada. Este artigo analisa criticamente o tratamento das missões alemãs tanto nos Camarões Britânicos como Franceses durante os períodos de Mandato e Tutela, concentrando-se especialmente nas atitudes de ambos os poderes administradores em relação às missões em suas esferas de influência. O artigo estabelece que o tratamento dispensado pelos poderes administradores às missões alemãs, sustentado por exigências imperiais e nacionalistas, despertou a realização da agenda tripartite de implantação de igrejas autossustentáveis, autônomas e auto evangelizadoras. Assim, argumenta-se que a Primeira Guerra Mundial desencadeou o maltrato das missões alemãs, sendo algumas delas obrigadas a encerrar suas atividades, enquanto outras foram autorizadas a continuar seu trabalho missionário sob duras condições.

Keywords: Camarões; Primeira Guerra Mundial; Missões Alemãs; Segunda Guerra Mundial; Sistema de Mandato; Sistema de Tutela
MIGRAÇÃO E IDENTIDADE NA REGIÃO SUDOESTE DE CAMARÕES: O FATOR GRAFFIE, C.1930S – 1996

MIGRAÇÃO E IDENTIDADE NA REGIÃO SUDOESTE DE CAMARÕES: O FATOR GRAFFIE, C.1930S – 1996

Authors: Walter Gam Nkwi
( 0 downloads)
Abstract

O presente artigo foca nas dinâmicas de migração interna, tomando o caso dos migrantes naturais das Planícies Bamenda no litoral de Camarões, e destaca como tais migrações deram origem ao enigma identitário entre aqueles que vieram a ser chamados graffie e os locais. Questiona como a politização da identidade pode ser compreendida dentro das dinâmicas históricas e políticas de Camarões. O artigo também defende que, no início da colonização britânica, muitos habitantes da região migraram para o complexo industrial do litoral de Camarões como mão de obra para as plantations, além de como auxiliares em outros serviços coloniais. Depois de trabalhar nestes serviços eles se aposentaram e tornaram-se empreendedores, para desgosto dos locais. Eles foram, assim, pejorativamente denominados graffie. Usando o conceito de identidade em migração o artigo questiona por que e como os graffie lidaram com sua identidade em espaços heterogêneos, como a região sudoeste de Camarões.

Keywords: Migração; Identidade; graffie; Camarões
A DIPLOMACIA DE PRESTÍGIO NA ÁFRICA DO SUL DE NELSON MANDELA (1994-1999)

A DIPLOMACIA DE PRESTÍGIO NA ÁFRICA DO SUL DE NELSON MANDELA (1994-1999)

Authors: Pedro Vinícius Pereira Brites, Yuri Debrai Padilha
( 0 downloads)
Abstract

O presente estudo tem como objetivo analisar a política externa do governo Nelson Mandela na esteira de uma nova estrutura internacional pós-Guerra Fria, no período de 1994 a 1999, mapeando os atores envolvidos neste meio e os indicadores e variáveis que condicionavam a política externa do país.

Keywords: Política Externa Sul-Africana; Apartheid sul-africano; Governo Nelson Mandela

About Europub

EuroPub is a comprehensive, multipurpose database covering scholarly literature, with indexed records from active, authoritative journals, and indexes articles from journals all over the world. The result is an exhaustive database that assists research in every field. Easy access to a vast database at one place, reduces searching and data reviewing time considerably and helps authors in preparing new articles to a great extent. EuroPub aims at increasing the visibility of open access scholarly journals, thereby promoting their increased usage and impact.